quinta-feira, 20 de outubro de 2011

O Tempo

O tempo sabe ser bom, o tempo é largo, o tempo é grande, o tempo é generoso, o tempo é farto é sempre abundante em suas entregas:


 Amaina nossas aflições, dilui a tensão dos preocupados, suspende a dor aos torturados, traz a luz aos que vivem nas trevas, o ânimo aos indiferentes, o conforto aos que se lamentam, a alegria aos homens tristes, o consolo aos desamparados, o relaxamento aos que se contorcem, a serenidade aos inquietos, o repouso aos sem sossego, a paz aos intranqüilos, a umidade às almas secas; 


O Tempo satisfaz os apetites moderados, sacia a sede aos sedentos, a fome aos famintos, dá a seiva aos que necessitam dela, é capaz ainda de distrair a todos com seus brinquedos; em tudo ele nos atende, mas as dores da nossa vontade só chegarão ao santo alívio seguindo esta lei inexorável: a obediência absoluta à soberania incontestável do tempo, não se erguendo jamais o gesto neste culto raro; é através da paciência que nos purificamos, em águas mansas é que devemos nos banhar, encharcando nossos corpos de instantes apaziguados, fruindo religiosamente a embriaguez da espera no consumo sem descanso desse fruto universal, inesgotável


Sorve  até a exaustão o caldo contido em cada bago, pois só nesse exercício é que amadurecemos, construindo com disciplina a nossa própria imortalidade, forjando, se formos sábios, um paraíso de brandas fantasias onde teria sido um reino penoso de expectativas e suas dores(..)`




(Trecho de Lavoura Arcaica - o Tempo  – Raduan Nassar)

16 comentários:

  1. Garimpar os subúrbios da arte; desvendar tesouros do cinema e da literatura; tornar obscenamente comum o prazer individual; cultuar o sensível... Desvendamos aqui mais nobres utilidades desse espaço! Grande, abraço, Serran! Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. o tempo, melhor remédio que existe

    ResponderExcluir
  3. Victor, esse poema, além de conter grande sabedoria, tem também uma bela poesia.
    O tempo nos é anfótero: é nos bom e mau, pois após nos ensinar tudo que precisamos para viver bem e feliz, ele nos mata.

    Quero lhe parabenizar pelo texto no 4 por 4, pois além de bem escrito, foi o que achei mais completo.

    Parabéns pela criatividade!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. Nada melhor do que o tempo para nós dar tempo para viver nosso tempo com muito mais tempo.
    Baita texto,guri!
    Bom fds,bjka

    ResponderExcluir
  5. Muito bom esse texto, tem que se ler e pensar e só depois entender! Parabens pela escolha Von!

    Passa lá que atualizei!

    ResponderExcluir
  6. Nada melhor que o tempo, é ele que nos ensina a ter paciência para escolher as coisas certas para nossa vida. Confesso que aprendi isso a pouco tempo, a ansiedade me fazia ter escolhas e atitudes nas horas erradas, quando nos precipitamos infelizmente o resultado é quebrar a cara. Isso é até bíblico "TUDO tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu." ( Eclesiastes 3:1)
    O tempo nos ensina a amadurecermos a única coisa que não podemos fazer se acomodar.

    Muito obg pela visita.
    Maravilhoso FDS
    bjo

    ResponderExcluir
  7. A minha avó sempre dizia quando era para dar esperança a alguém "Não penses nisso, atrás de tempo, tempo vem" Acontece que estamos numa era de correria tal que ninguém tem tempo para nada.
    Corremos para o emprego, para casa, para ir buscar os filhos à escola, para os cuidar, etc. etc etc. E nesta correria, onde arranjar tempo, para o essencial da vida? E o essencial para mim, é olhar o meu semelhante, dar um sorriso, estender uma mão ou parar para simplesmente perguntar: Como vai?
    Esta é a era dos apressados, dos sem tempo, dos que morrem sem tempo de ter vivido.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  8. O tempo... as vezes me canso de esperar por ele! Mas de fato, ele se encarrega de colocar as coisas no eixo.

    ResponderExcluir
  9. Realmente o tempo acalma tudo mesmo. O tempo sara e fecha todas as feridas apesar de as vezes não apagar totalmente uma cicatriz, mas nos deixa uma lição grandiosa: a de que podemos superar a maioria dos obstáculos e ainda ter esperança no amanhã, mesmo porque depois de uma tempestade é certo que o sol volte a brilhar na imensidão do céu deixando ele ainda mais azul. Posso passar alguns dias sem visitar seu blog, mas sempre que volto tenho uma certeza: a de que quando eu acessa-lo eu vou me surpreender com uma postagem belíssima, como sempre.
    Brilhante mais uma vez hein?
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  10. Victor é ele o senhor da razão, como diz o dito popular. De fato é o tempo o que determina o hoje, o agora e o depois. O tempo que cura as dores, e também abre outras. É o tempo que uni e separa também. Saber viver cada instante é saber melhor aproveitar o tempo. Parabéns pelo brilhante e significativo texto e um grande abraço.

    ResponderExcluir
  11. "Não podemos aguardar que os tempos se modifiquem e nós nos modifiquemos junto, por uma revolução que chegue e nos leve em sua marcha. Nós mesmos somos o futuro. Nós somos a revolução."
    ( Beatrice Bruteau )


    E como sempre adorei o texto

    ResponderExcluir
  12. Querido e lindo amigo Víctor, eu costumo chamar o tempo de doutor, o soberano. Texto verdadeiro este, e vc já está me deixando curiosa com esta "Lavoura Arcaica" Beijosssssss

    ResponderExcluir
  13. Victor, tudo bem?
    O Tempo é o que permitimos que ele seja!
    Ótima reflexão. Bela escolha!

    Ótimo fim de semana para ti :)

    ResponderExcluir
  14. O tempo é bálsamo que cicatriza toda e qualquer ferida. As cicatrizes ficam lá, sempre como uma lembrança da dor sentida. Sentida mas que não se sente mais porque o tempo, ainda bem, a levou.
    E que venha a nova.

    ResponderExcluir
  15. Lindo texto. O tempo atualmente anda tão discreto que mal o vemos passar. São correntezas de ocupações que quando nos percebemos, já está tarde para fazermos o que de verdade gostaríamos.

    Abraços, Victor.
    Sempre grato por suas visitas em meu blog.

    ResponderExcluir
  16. Às vezes me pergunto se é possível tapear a ordem natural que as coisas tomam e reordenar os acontecimentos a partir do hoje. Por que será que tudo nos acontece de forma tão desordenada enquanto a vida nos ultrapassa por falta de capacidade de desenrolar rapidamente o fio do rolo que vive embolando? Por qual motivo o tempo embaralha tanto nossos destinos? Queria ser o dono de meu próprio lugar em algum mundo fora do tempo, uma Xangrilá, uma Pasárgada, uma Terra do Nunca ou uma Cronutopia, quem sabe.
    Abraços amigão!!!

    ResponderExcluir

Faça um comentario inteligente e pertinente, lembre-se que seu nome, e o nome do seu blog, vem logo depois !